Como criar cursos online em vídeo

Atualizado: Fev 5

Reunimos todas as etapas do processo de criação de um curso on-line em vídeo. Se você deseja trabalhar na Internet, este é o conteúdo para você!


Criar cursos on-line feitos com vídeo-aulas é uma das melhores maneiras de transmitir claramente um conteúdo rico e educacional. Os vídeos permitem que seu conteúdo seja rico em detalhes, o que livros e audiolivros não permitem porque são limitados por seu próprio formato.

Os vídeos são ideais para assuntos mais complexos, que precisam de uma explicação detalhada, mas também podem ser adequados para tópicos mais simples. Essa versatilidade abre portas para explorar o conteúdo até o limite de sua criatividade.

Se você pensa em criar um curso on-line de alta qualidade, neste guia, aprenderá como criar conteúdo audiovisual e lançá-lo on-line para conseguir vender e ganhar um bom dinheiro com isso.

Além das dicas abaixo deste tutorial, nós da Shok Produtora temos uma equipe especializada para te ajudar a produzir os videos deste seu curso, auxiliando com os roteiros e a produção do vídeo, e mostrando as opções de rentabilidade que o mercado oferece. Vender um curso online você verá que é fácil, mas montar um com qualidade profissional, isso nós garantimos!


Vamos lá!


1- Pré-produção


As características do seu projeto

Este tópico é quando você definirá o início e o fim do seu curso online. Aprenda portanto, a partir de agora, a trabalhar com prazos e objetivos possíveis de serem cumpridos. Anote em um documento no computador ou em um notebook a data de início e término do projeto. Este será o seu prazo para concluir a criação do seu curso. Exemplo:

Data de início: 01 de maio de 2020

Data final: 20 de julho de 2020

Além disso, estabeleça o custo de produção do seu curso. Esta etapa é essencial para você planejar quando se trata de despesas que você terá ao longo do projeto e também para não ter surpresas desagradáveis.

Gostamos sempre de lembrá-lo de que um curso on-line é um modelo de negócios com baixos custos de produção. Você pode criá-lo por conta própria, com a ajuda de recursos e dispositivos que você já possui. Neste guia, você encontrará recursos gratuitos ou mais baratos que tornarão a criação de seu material mais barata.


2- Escolha o nicho de mercado.


A escolha do nicho de mercado será sempre o primeiro passo para orientar sua estratégia de vendas. O nicho de mercado nada mais é do que o segmento de mercado em que você trabalhará. Esse segmento tem características próprias e você trabalhará com foco nelas.

Produtos para bebês, moda fitness e decorações de casamento são exemplos de nichos de mercado.

Se você já tem um nicho bem definido, isso é ótimo. Se você ainda não o tiver, precisará executar algumas etapas antes de fazer sua escolha. Eles são:

- Analise as possibilidades:

Se você ainda não sabe o que criar, você tem algumas opções para começar a pensar sobre o tópico:

Olhe ao seu redor e identifique algo em comum que as pessoas querem aprender e você é capaz de ensinar. Por exemplo: Você percebe que muitas pessoas ao seu redor têm dificuldades para atingir metas e estão constantemente procrastinando? Identifique habilidades e características pelas quais você é admirado e pense em como transformar seus talentos em ensinamentos. Por exemplo: você é uma pessoa amigável que sabe como fazer amigos e parceiros. Que tal ensinar como você faz isso com alguém tímido? Procure pessoas que tenham talento: se você não teve uma ideia para transformar em curso, pense nos seus amigos e conhecidos, o que eles podem ensinar e proponha uma parceria para produzir o curso. Por exemplo: Você conhece algum amigo que fale francês? Pode ser uma ótima opção convidá-la para criar um curso completo de francês básico!


- Avalie a oferta x demanda:

Depois de listar alguns tópicos, analise se há um público para eles. Ferramentas como o Google Keyword Planner podem ajudar você a entender o número de pesquisas no Google - o maior mecanismo de pesquisa on-line - sobre um determinado tópico.

- Analise a concorrência:

Pesquise o que seus concorrentes estão falando sobre o tópico. É importante que você verifique todos os tipos de material: textos, áudio, vídeos e tudo mais sobre o seu tema.

Esta pesquisa é essencial para um material completo e de alta qualidade.

Uma maneira interessante de fazer comparações é abrir uma janela anônima no seu navegador e pesquisar nos termos do Google diretamente relacionados ao seu tópico.

O seu curso é sobre maquiagem profissional?

Pesquisa: "maquiagem profissional", "como se tornar um maquiador profissional", "aprender a maquiagem", "truques de maquiagem profissional" e, claro, "curso de maquiagem profissional".

Existem inúmeras opções!

O Keywordtool e o Keyword Planner do Google Adwords ajudarão você com os sites mais pesquisados. Além disso, pesquise no YouTube, afinal, seu conteúdo estará em formato de vídeo, certo?

Verifique todos os resultados da primeira página e veja o que eles falam e como abordam o tópico.

O objetivo desta etapa é identificar os pontos fracos e fortes de seus concorrentes para ter algo com o que comparar ao criar seu material. É importante que seu conteúdo seja sempre melhor do que o disponível na Internet. Para isso se precisar de ajuda profissional nós da SHOK podemos te ajudar com todo a parte técnica para produzir o seu conteúdo.


- Escolha seu nicho e o tema do seu curso:

Depois de decidir o tópico do seu produto digital, é essencial que você domine o que aprenderá.

Realize pesquisas em diferentes fontes sobre o conteúdo, incluindo material estrangeiro. Pesquise sites como Quora , Yahoo Answers , KeywordTools e até o preenchimento automático do Google (a própria ferramenta oferece várias opções de pesquisa enquanto você digita), para descobrir perguntas comuns que as pessoas têm sobre seu tópico e os termos relevantes que estão na mesma área que a sua.

Por que isso é importante?


Bom, só assim você poderá reunir um material completo, aquele que seus futuros clientes terão muito prazer em comprar.

Depois de terminar de analisar tudo, escreva um breve resumo sobre o seu curso online.

Por exemplo: O curso é um guia para mães de primeira viagem. O objetivo é orientar as gestantes sobre os cuidados com o bebê até os 1 anos de idade.



3 - Defina seu cliente ideal (publico alvo)


Depois de escolher o tema do seu curso on-line, identifique quem é seu cliente ideal. Você precisa fazer isso através de uma pesquisa de público alvo.

Por que isso é importante?

Com o publico alvo, você será mais assertivo ao criar o conteúdo do seu curso e também ao promovê-lo na Internet.

Você pode fazer a pesquisa com seu público, se tiver um, ou um público semelhante ao seu.

Aqui está um guia rápido para cada caso:


Se você já tem uma audiência:

Ter uma audiência significa ter uma base de clientes ou manter uma comunidade com potenciais compradores envolvidos. Pode ser uma página de fãs, uma lista de e-mail, um perfil do Instagram com muitos seguidores ou um canal do YouTube, por exemplo. Se você ensina espanhol para executivos pessoalmente, pode usar seus clientes para entender a personalidade do seu curso online de espanhol.


Se você não tem um público-alvo:

Use recursos diferentes, como pesquisa on-line e uso do Facebook Audience Insights.

Vamos supor que você é nutricionista e deseja criar material sobre como iniciar seu consultório particular, obter clientes e torná-los leais a você. Nesse caso, você pode pesquisar entre os estudantes de nutrição do ano passado. É possível fazê-lo online ou até pessoalmente.

Em sua pesquisa, faça perguntas que descrevam o perfil sociodemográfico e as características comportamentais. Quanto mais detalhes você souber, melhor.

Em seguida, reúna todos os dados e analise as respostas mais comuns entre os entrevistados. Os dados comuns criarão seu publico alvo.

Você também pode usar o Facebook Audiences Insights, que fornecerá informações não tão detalhadas, mas que podem ser igualmente relevantes para sua pesquisa.


4- Formato do seu curso online



Por falar em vídeos, o formato mais recomendado para um curso on-line é o Programa para Membros.


Neste programa, também conhecido como área de membros ou associação, seu conteúdo será hospedado na plataforma que você escolher. Após o pagamento dos alunos, eles receberão um login e uma senha para acessar o conteúdo, que ficará disponível pelo tempo que você decidir.


Ainda assim, neste formato, você pode disponibilizar todo o conteúdo de uma só vez ou liberar cada módulo periodicamente, na frequência que preferir.


Esse modelo se destaca por dois motivos principais:

- Receita recorrente: um dos fatores mais benéficos para investir no modelo de assinatura é a possibilidade de gerar receita recorrente. Você poderá prever a receita dos meses futuros e poderá trabalhar nas suas próximas estratégias com base nos seus lucros.


- Você fideliza os clientes por um longo tempo: o aluno fica mais envolvido com você e seu conteúdo e tende a seguir as lições à medida que você disponibiliza o conteúdo. Dessa forma, você tem mais chances de aumentar seu Valor Vitalício, que é a quantia que seus clientes estão dispostos a gastar ao longo do relacionamento com o seu produto.

Obviamente, a escolha do formato precisa ser estudada de acordo com o seu modelo de negócios e nosso plano estratégico.


5 - Estrutura do curso



Esse é o momento para elaborar o rascunho do seu curso, também conhecido como esboço. Talvez seja aí que você precise dedicar mais tempo para criar o material completo.

Vamos supor que você criou um curso sobre como obter mais autoridade no ambiente de trabalho.

Você precisa abordar todos os tópicos relacionados a esse assunto.

Por exemplo:

Como ganhar autoridade com seus gerentes;

Como ganhar autoridade em relação à sua equipe;

Como se comportar profissionalmente no seu dia-a-dia


E o que mais for importante para o aluno apresentar todas as informações importantes para ter mais autoridade no ambiente de trabalho. Essas disciplinas principais serão os módulos do seu curso online. Em cada módulo, você decide quantos vídeos serão necessários para explicar o tópico.

No nosso exemplo, vamos desdobrar o primeiro módulo:

Como ganhar autoridade para com seus gerentes;

Lição em vídeo: ganhando a confiança do seu chefe;

Lição em vídeo: Quando você pode ser proativo e quando é hora de dizer "não" ?;

Lição em vídeo: Apresentando resultados.


Atenção: sua pesquisa anterior sobre seu publico alvo ajudará muito na definição desses tópicos. Se você conhece muito bem sua cliente, saberá exatamente o que ela deseja aprender. Outro aspecto é conhecer seus concorrentes. Descubra os tópicos que ele aborda e faça um trabalho ainda melhor.


6-Como promover e vender seu curso




Vale lembrar que um produto bem-feito só é valioso quando apresentado ao público certo. Então, explicaremos melhores maneiras de promover seu produto e atrair novos clientes.

-Página de vendas

Uma página de vendas é uma página de destino criada para o usuário fazer uma compra. Você precisará desta página para que seu público possa conhecer seu produto e os benefícios que ele terá ao comprá-lo.


-Email Marqueting

O marketing por e-mail é uma das estratégias mais baratas para envolver seu público e gerar conversões. Depois que o usuário concede a você permissão para falar com ela diretamente por e-mail, é possível estabelecer estratégias para alcançar e converter o e-mail em venda.


-Mídia social

As mídias sociais são agora e permanecerão por muito tempo uma maneira genuína de envolver seus seguidores. As mídias sociais permitem um tom leve e divertido, permitindo que você se aproxime do seu público.


-Blog

Escrever um blog é uma das melhores maneiras de criar conteúdo que envolve e agrega valor real aos seus visitantes. Com as postagens do blog, você educa seu público com informações relevantes e, naturalmente, eles veem seu produto como uma solução para um possível problema. Esse tipo de estratégia é conhecido como marketing de conteúdo e, quando associado a uma boa estratégia de SEO, trará muitas visitas orgânicas ao seu blog, aumentando sua autoridade no mercado e sua taxa de conversão em vendas.


-Programa de Afiliados

O programa Afiliados é ideal para os produtores que desejam dar visibilidade a seus produtos para realizar mais vendas. Ao participar de um programa de Afiliados, os Produtores podem contar com Afiliados, que promoverão seus produtos em troca de uma comissão. Essa é uma das melhores técnicas para aumentar suas vendas.


-Anúncios pagos

A opção por anúncios pagos trará a você resultados de curto prazo, enquanto a estratégia orgânica precisa ser trabalhada a médio e longo prazo.

Você pode anunciar nas mídias sociais, como Facebook, Twitter e Instagram, e usar outros canais como o YouTube e o Google. Há também a possibilidade de anunciar em sites de notícias.

Por meio de publicidade paga, você pode segmentar o público que irá destacar, que será um possível comprador do seu produto. Novamente, seu publico alvo será realmente útil nesse processo.




E ai? Está pronto para começar seu curso online ?

Nós da Shok estamos prontos para lhe ajudar com a produção dele, entre em contato conosco :)


Fone: 47 - 3054-5820

Whats: +55 47 9607-1180


18 visualizações